Thursday, September 12, 2013




Dois corações partidos
no corredor da vida

caminham devagar

não falam
são muitos os degraus
que têm para contar

buscam sinais
outrora prometidos:
sinais de luz
de chegada
ou de partida

4 comments:

ana said...

Uma ligação fabulosa entre a poesia e o Escher.
O poema arrepia.
Boa noite!

ana said...

Uma ligação fabulosa entre a poesia e o Escher.
O poema arrepia.
Boa noite!

DL said...

Li algures que o quadrado mágico dessa gravura é baseado nos trabalhos do matemático Luca Pacioli, contemporâneo de Dürer que inventou o número de ouro. Creio que deve ter sido criado pelo próprio Dürer pois só assim poderia ter a assinatura dele e a data da gravura na quarta linha (1-15-14-4 = A 1514 D, como mostram os diapositivos).

Celso Andrade said...

Incriveis versos. muito bom. Também escrevo alguns poemas, faça-me uma visita >> http://maisnicotina.blogspot.com.br/

Parabens pelo trabalho ^^